Começou como brincadeira, pequena, a arranhar o violão do pai, o compositor, produtor e violonista Durval Ferreira. Aos 23 anos, após concluir a faculdade de marketing, optou pelo palco: virou atriz. Fez teatro, tv, cinema e musicais. Paralelamente aos shows que fazia, Amanda também produzia eventos musicais, o que a fez experimentar os dois lados da carreira e estar em maior contato com todo o meio musical. Desde 2009, Amanda e sua produtora Beco das Garrafas Produções vem se consolidando como uma desbravadora de espaços de música ao vivo na cidade. Bossa Lounge (Leme), São Roque (Leblon), Doce Delicia (Ipanema), São Vicente (Lagoa), Barthodomeu (Ipanema), Café del Mar (Praia de Copacabana), 706 (Praia de Ipanema), Hotel Ouro Verde (Copacabana), Hotel Everest (Ipanema) e Drink Café (Lagoa), Teatro Municipal Café Pequeno (Leblon), Bar Semente (Lapa) e Sala Municipal Baden Powell (Copacabana) foram alguns lugares que Amanda produziu importantes shows séries e projetos. É uma das responsáveis pela revitalização do legendário beco das Garrafas onde, desde 2014, é sócia e assina a direção artística dos bares que compõem o local – Bottle’s Bar e Little Club, promovendo cerca de 100 shows mensais e recebendo os grandes artistas brasileiros.Em janeiro de 2019, lançou o seu primeiro álbum, A Bossa do Beco e está em cartaz semanalmente no Beco das Garrafas.