Rio Music Market 2017 Inscrições Programação Participantes Localização Showcases Imprensa Como foi

De 12 a 14 de setembro de 2017

Conferência anual da Associação Brasileira da Música Independente (ABMI)

Como foi?

O Rio de Janeiro foi o centro das atenções da indústria da música nos dias 12, 13 e 14 de setembro. A quinta edição do Rio Music Market, promovido pela Associação Brasileira da Música Independente (ABMI) e pelo SEBRAE, foi realizado no Centro Sebrae de Referência do Artesanato Brasileiro (CRAB) e reuniu importantes nomes do mercado, entre gravadoras, editores, empresários artísticos, músicos, mídia, além de convidados internacionais de empresas e entidades do setor.

O evento reuniu mais de 720 participantes em torno de palestras, shows e painéis, e capacitou profissionais de todo o Brasil em workshops com representantes de empresas brasileiras e estrangeiras. A programação de 2017 também incluiu participações de Ivan Lins, Moska e Leo Jaime, além de Happy Hours com música ao vivo do Marco Lobo Trio, Flávia Queirós no CRAB, e o espetáculo Caixa de Ódio, em que Arrigo Barnabé interpreta Lupicinio Rodrigues, realizado no Teatro SESI Cultural.

Dia 12 de setembro

Abertura

O Rio Music Buzz inicia o evento com as boas vindas e as apresentações das entidades organizadoras do evento. Wilson Souto, presidente da ABMI, e Cesar Vasques, representante do SEBRAE, abriram o Rio Music Buzz dando as boas-vindas a todos os participantes.


Corciolli vice-presidente da ABMI, Wilson Souto, presidente da ABMI e Cesar Vasquez, representante do SEBRAE.

Na sequencia, Corciolli, vice-presidente da ABMI, apresentou os números do ercado independente e a nova identidade visual da ABMI, para que pudesse trazer no visual a mudança e as transformações da entidade. Marcou-se então, o lançamento oficial da nova marca ABMI. Aberta por um concurso interno entre os associados ABMI, o novo logo foi desenvolvido pelo designer Luciano Pessoa.

“Ser independente é não aceitar o cerceamento estético e financeiro das grandes corporações. São criadores movidos pela vontade de construir e contribuir com a história cultural de cada pequena parte deste planeta, levando a todo mundo, a possibilidade de uma imagem mais nítida de todos os povos da Terra.
SER INDEPENDENTE É A MISSÃO DO SER COLABORATIVO”
Wilson Souto Junior | Presidente ABMI


Credenciamento

Apresentação da EscapeX

Liana Brauer apresentou o aplicativo EscapeX para artistas e influenciadores. Fundada em 2015 por empreendedores do mercado de mobile e entretenimento. Possui uma equipe de 60 pessoas, com escritórios em: NYC, LA, LDN, SG, MUM, RIO e TW. É uma startup inovadora que gera receita a partir da interação do artista com seus fãs. Um negócio com foco em dados, dedicado ao engajamento e monetização do usuário. Mais informações: www.escapex.com


Liana Brauer da Escapex

Painel: Sincronização

Profissionais apresentaram dicas e melhores práticas para a sincronização de conteúdo em produções audiovisuais. Participaram do painel Flavia Cesar (Warner Chappel), Lourenço Schmidt (Antfood), Maurício Bussab (Kiwiii) e Paulo Calia (YB) com mediação de Monyca Motta (MM Rights).


Lou Schmidt apresentou seu trabalho com a Antfood.


Monyca Motta (MM Rights)


Paulo Calia (YB)


Monyca Motta (MM Rights)

Painel: Exportação da Música Brasileira

Em pauta a Exportação da Música Brasileira. Participaram do painel Flávio de Abreu (Scubidu Music), Ivan Lins, Geraldinho Magalhães (Diversão e Arte), Nilson Raman (Montenegro & Raman) com a mediação de Bruno Boulay da Totem Consulting.


Painel Exportação


Ivan Lins


Nilson Raman (Montenegro & Raman) ao fundo e Geraldinho Magalhães (Diversão e Arte)

Show de Arrigo Barnabé

Para encerrar a noite, Arrigo Barnabé apresentou o espetáculo Caixa de Ódio - Arrigo Barnabé interpreta Lupicinio Rodrigues, acompanhado do violonista Sérgio Espindola e do pianista Paulo Braga. O Show foi realizado no Teatro do SESI no Centro do Rio de Janeiro.


Caixa de Ódio - Arrigo Barnabé interpreta Lupicinio Rodrigues

O texto abaixo foi extraído de um artigo de Olgária Mattos intitulado: “O amor em tempos de cólera: Lupicinio Rodrigues e Arrigo Barnabé”, publicado na Carta Maior. As canções interpretadas por Arrigo são também narrativas que tecem, simultaneamente, a compreensão do que é o amor para Lupicínio e para seu cultor. Assim, as canções mesclam revolta, indignação, sentimento de perda, mas também displicência com a amada. E humor. Arrigo, com seus retratos urbanos, inscreve o eterno no moderno: o amor, para ele, não está sob o signo de Saturno, da”doença divina” ou do clamor a Deus. Assim, se Lupicínio diz “Eu gostei tanto/Tanto quando me contaram/Que lhe encontraram bebendo e chorando na mesa de um bar”, e que precisou de esforços pra ninguém notar, a representação de Arrigo opera em outro registro, pois, com o tempo pulsante e acelerado da grande cidade, na disritmia das notícias dos jornais, dos clips, dos vídeos e dos sinais fantasmáticos, distancia-se do passado, concentrando-se no contemporâneo.

Dia 13 de setembro


Entrada

Painel: Streaming no Brasil

Sandra Gama (iMúsica), Paulo Rosa (Pró-Música - ABPD), Maria Rita Neiva (FAS Advogados) e Glória Braga (ECAD) apresentaram um panorama sobre as tendências nas Plataformas de Streaming no Brasil. O painel teve a mediação de Marcelo Goyanes (Murta Goyanes).


Sandra Gama (iMúsica)


Glória Braga (ECAD)


Marcelo Goyanes (Murta Goyanes)


Maria Rita Neiva (FAS Advogados)


Painel Streaming

Painel: Arquitetura Musical de Trilhas para Games

Profissionais apresentam como funciona a produção de trilhas sonoras para games. Participaram Arthur Protásio (Fableware), Bettina Calmon (Compositora & Sound Designer) com mediação de Daniela Colla (Di Blasi, Parente & Advogados Associados)


Daniela Colla (Di Blasi, Parente & Advogados Associados)


Arthur Protásio (Fableware)


Bettina Calmon (Compositora & Sound Designer)

Encontro: ABMI e Merlin

Encontro exclusivo entre associados da ABMI e a Merlin


Jim Mahoney (Merlin)


Jim Mahoney (Merlin) e associados ABMI

Clínica Jurídica: Escritório Cultural

Durante o dia, várias consultas foram realizadas no escritório cultural. Os temas mais abordados pela clínica foram:

- Assessoria na elaboração de contratos entre compositor e editora, artista e selo, selo e profissionais e contrato de licenciamento.
- Consultoria para negociar contratos.
- Assessoria tributária para editoras.
- Elaboração de autorizações para uso de obras em fonogramas
- Rádio web: como realizar o devido recolhimento de execução pública?


Clínica Jurídica


Clínica Jurídica

Painel: Details – Solução de Gestão para Independentes

Stephan Romback (Details - Alemanha) apresentou a Details, uma plataforma para a gestão fonográfica; físico e digital, pagamento de royalties, streaming, download, album, vendas físicas e relatórios.


Stephan Romback (Details - Alemanha)

Painel: Cartão BNDES

Miquelina Nicolini (BNDES) apresentou como produtores independentes podem usar o Cartão BNDES

ApresentaçãoFaça aqui o download da apresentação e saiba como utilizar o cartão BNDES.


Miquelina Nicolini (BNDES)

Painel: Spotify - Gestão do Perfil do Artista

Rodrigo Azevedo apresentou dicas valiosas para o auto gerenciamento do perfil do artista na plataforma Spotify.


Rodrigo Azevedo (Spotify)

Show: Marco Lobo Trio

O Marco Lobo Trio encerrou as atividades do segundo dia do Rio Music Market. O Trio é formado pelos músicos Kiko Continentino (teclados), Gastão Villeroy (baixo) e Marco Lobo (percussão). O repertório contou com composições autorais e que apresentam o Brasil na veia, passeando pelo Jazz, Maracatú, Samba, Baião e Balada.


Marco Lobo Trio

Dia 14 de setembro

Painel: O Futuro do Streaming – A Perspectiva Independente

Perspectivas dos produtores independentes a respeito do futuro do Streaming com Charlie Phillips (WIN), Jim Mahoney (Merlin), Dirceu Santa Rosa (Montaury Advogados), Flavia Tendler (Advogada) e Carlos Mills (ABMI).


Jim Mahoney (Merlin)


Flavia Tendler (Advogada)


Carlos Mills (ABMI)


Painel Streaming


Painel Streaming

Painel: Big Data na Indústria do Entretenimento

Maria Luiza Reis (Lab245) apresenta como dados são aplicada ao entretenimento.


Maria Luiza Reis (Lab245)

Painel: MUSO – Plataforma Anti-Pirataria

Charlie Phillips (WIN - Worldwide Independent Network) apresenta a Plataforma anti-pirataria, condições especiais para associado da ABMI.


Charlie Phillips (WIN)

Painel: Qual é a sua Bossa?

Gustavo Vasconcellos (GRV - PPM) apresenta o Premio Profissionais da Música 2018 - E aí, qual é a sua bossa? O painel contou com a participação especial de Roberto Menescal, artista homenageado na próxima edição do PPM 2018.


Gustavo Vasconcellos e Roberto Menescal

Painel: Os Caminhos do Rádio

Leo Jaime, Ricardo Moreira (Deusa Música), Cláudio Macedo (Kombo) e Moska discutiram os caminhos da rádio e seu papel na promoção de música. O painel foi mediado pelo jornalista Fernando Mansur.


Moska e Leo Jaime


Cláudio Macedo (Kombo)


Ricardo Moreira (Deusa Música)


Painel sobre os Caminhos do Rádio

Painel: Apresentação MIDEM

Marinilda Boulay (Midem Latin America) apresentou o Midem e todas as suas oportunidades.


Marinilda Boulay (Midem Latin America)

Show: Elisa Queirós - Bons Ventos

Elisa Queiros encerrou a noite com o SHow Bons Ventos e contou com a participação de Alex Rocha (baixo), Paulo Diniz (bateria) e Itamar Assiere (teclado).


Elisa Queirós - Bons Ventos

Elisa Queirós, cantora, compositora, integrante do premiado quarteto de samba Arranco de Varsóvia (*1), lança seu 2º CD solo chamado Bons Ventos. A faixa título, a primeira do CD, é uma canção inédita de sua autoria e reflete em seus versos, melodia e arranjo, o desejo da artista de criar um imaginário sensorial prazeroso para o ouvinte, invocando o amor próprio de forma poética, e a partir de então abrindo espaço para as próximas dez faixas do CD que contam estórias sobre outros amores. Um repertório de amor, que não se reuniu ao redor do tema de forma intencional mas apresentou-se assim espontaneamente. Com arranjos e direção de Alex Rocha, que também toca baixo em todas as faixas, a sonoridade de Bons Ventos é a essência de um super trio de baixo, bateria e piano (*3) valorizando as amplas possibilidades destes instrumentos e da voz, e privilegiando a apresentação das canções e seus temas. Elisa assina ainda as letras das inéditas Inútil Pensamento - parceria com Rômulo Gomes, Vagão - parceria com Alain Pierre, e Antes de Dizer Adeus - parceria com Fred Martins, que faz participação especialíssima nesta faixa cantando e tocando violão. Esta última canção encerra o repertório do CD afirmando a possibilidade do dueto amoroso.

 

Realização

ABMI SEBRAE CRAB Estrombo

 

Agradecimentos

Spotify

 

WIN Merlin PPM Midem
Mills Records Music Delivery SESI Cultural SESI Cultural
The Orchard Atração Fonográfica Tratore

Contato para mais informações